ManfContraColectDecorreu hoje na sede da ANTRAM nova reunião relativa ao processo negocial, que terminou com as seguintes posições negociais:

1 - No que respeita ao protocolo de 17 de Maio do corrente ano, falta apenas:

*discutir o valor do subsídio de operações para todos os trabalhadores com formação especifica e que efetivamente manuseiam a respectiva carga (cargas e descargas);

*Publicar a portaria especifica para proibição de transporte de combustíveis em cisterna aos   domingos e feriados – (portaria que nesta fase se encontra em discussão pública)

2 – No que respeita à revisão do CCTV em vigor, após a discussão evolui-se para:

* Clausula 48ª (Subsídio Noturno) - autonomização deste subsídio ficando excluído da Cláusula 61ª, no caso dos trabalhadores do nacional haverá lugar ao pagamento de 10% do salário base, ou 25% de acréscimo ao valor hora, consoante o trabalhador faça predominantemente trabalho diurno ou noturno,

* Clausula 57ª (Refeição) – ficou definido que haverá lugar ao pagamento da 2ª refeição após qualquer trabalho realizado depois das 19h30;

* Clausula 61ª (nacional) – Redefinição da forma de cálculo, passando a ser paga no valor de 48% da soma do valor da retribuição base + complemento salarial + diuturnidades.

A   ANTRAM ficou de nos responder às matérias de expressão pecuniária relacionadas com as ajudas de custo, onde se inclui as diárias para o Ibérico e Internacional.

Ficou agendada nova reunião para o dia 14 de agosto, pelas 09h30 na  sede da ANTRAM.

Entretanto aguarda-se para breve a marcação da reunião do grupo de trabalho para discussão da regulamentação das cargas e descargas, conforme ficou concluído na reunião com o governo realizada no passado dia 6.

Também se aguarda a realização da reunião com o Ministro do Trabalho para se discutir os mecanismos de fiscalização – ACT e Segurança Social - da aplicação do CCTV , posto em causa por diversas entidades patronais, que origina o legítimo descontentamento dos trabalhadores.

Outra frente de trabalho da Federação e dos seus Sindicatos é a redução da idade legal de reforma, estando neste momento a recolha de assinaturas para uma Petição a entregar na Assembleia da República no inicio da próxima legislatura, recolha que continua apesar de já se ter o número mínimo necessário para desencadear a discussão naquela órgão de poder.

Tradução

ptenfrdeitrues

Protocolo

4º Congresso

Visitantes

Temos 75 visitantes e 0 membros em linha