#gruemenu.grue

Correios e Telecomunicações

LutaCTTTal como o SNTCT informou e denunciou, os CTT querem despedir/rescindir com cerca de 75 trabalhadores. Esses trabalhadores foram chamados pelos CTT para entrevistas com o intuito que aceitassem o despedimento/rescisão, mas intensões da administração foram claramente frustradas porque a esmagadora maioria dos trabalhadores não aceitou.

Ler mais...

PrivatizacaoCTTCTT – CORREIOS DE PORTUGAL, S.A. depois de baixarem propositadamente a qualidade do serviço prestado, de reduzirem a Rede Pública Postal a níveis incomportáveis, de desrespeitarem os cidadãos, de montarem um Banco sobre uma estrutura já com problemas, agora… QUEREM DESPEDIR ENCAPOTADAMENTE 75 TRABALHADORES

Ler mais...

LutaCTTO SNTCT teve conhecimento que os CTT estavam a enviar cartas a vários trabalhadores para comparecerem numa reunião para tratar de assunto relacionado com a sua situação profissional. De imediato enviámos um mail à CE/CTT a pedir explicações. Também de imediato fomos contactados pela CE/CTT e, informalmente, deram uma primeira explicação. Mais tarde enviaram uma resposta formal: “foi dado início a um processo de optimização de recursos humanos afectos aos Serviços Centrais … foi identificado um conjunto de trabalhadores beneficiários da Segurança social, que a empresa considerou reunirem determinadas condições cuja cessação do seu vínculo contratual não implicará substituição”.

Comunicado SNTCT/CTT

Precaariedade1Emprego implica trabalho, mas trabalho com direitos, passagem dos contratos a termo e temporários a contratos efectivos. Tem que haver salários dignos para todos os trabalhadores que já não têm aumento real dos salários desde 2008.

 

Comunicado SNTCT/RANSTAD

 

precariedadeAmanhã e depois, prosseguimos as denúncias das situações de precariedade laboral, numa acção dinamizada pelo SNTCT, em frente aos “Call-Centers” da MEO e da NOS, entre as 08h00 e as 12h00, no combate às situações onde os trabalhadores são precisos todos os dias, mas onde o seu vínculo laboral é precário.

PrivatizacaoCTTA situação nos locais de trabalho do atendimento e distribuição é demasiado preocupante para que a CE/CTT faça de conta que nada se passa. Os trabalhadores já não aguentam esta situação e aumentam as situações de doença provocadas pelo stress, pelos elevados ritmos de trabalho e pelas cargas de trabalho.

Comunicado SNTCT/CTT

PTEstamos juntos com as ERT do Grupo PT a diligenciar pela melhor defesa dos beneficiários da PT ACS. Pela análise dos estatutos da PT ACS conclui-se que é possível que os Planos de Saúde sejam transferidos para a Multicare por gestão indireta. Não nos agrada e algumas questões já divulgadas, preocupam-nos! Sabemos que este negócio milionário foi contratualizado entre a PT ACS e a Multicare por cinco anos e meio. Informaram-nos que não ocorrerá perda de direitos e benefícios para os beneficiários. Na reunião do dia 11 de Julho, entre as ERT, a PT ACS e o CCO, João Zúquete fomos informados que:

Comunicado SNTCT/PT

PrivatizacaoCTTAs alterações que foram efectuadas nos serviços que os CTT prestam, não tiveram em conta a realidade dos recursos humanos necessários. O que os CTT fizeram foi “primeiro implementa-se e depois logo se vê”, sem querer saber que as consequências negativas que essas alteraçõesteriam para os trabalhadores e para a  qualidade do serviço.

Comunicado SNTCT/CTT

LutaCTTUma das frentes de luta dos sindicatos da Federação é o da reposição da contratação colectiva suspensa pelas normas do Orçamento do Estado e pelo decreto-lei e, que nas empresas privatizadas, seja pago aos trabalhadores as diuturnidades/anuidades suspensas e as progressões nas carreiras, com a contagem dos tempos e avaliações profissionais e, nesse sentido decorrem processos em tribunal, sendo um deles dinamizado pelo SNTCT relativamente ao CTT, tendo havido uma audiência no passado dia 14, na qual:

Ler mais...

CTT CCBRealizou-se no dia 25 de Maio a segunda e última reunião de conciliação da matéria salarial CTT 2016. Dada a posição inflexível dos CTT não foi possível chegar a acordo. O SNTCT já avisou os CTT que vai pedir a passagem do processo à fase de mediação no dia 5 de Junho próximo. Não são de esperar grandes alterações, no entanto o SNTCT vai esgotar todas as etapas negociais.

Comunicado SNTCT

PrivatizacaoCTT Hoje, em frente ao Ministério do Trbalho, em Lisboa, realizaou-se uma tribuna pública, onde se deu inicio a uma análise do balanço da privatização do CTT, suas consequências parta o País, para as populações e para os trabalhadores,

Ler mais...

Tradução

ptenfrdeitrues

4º Congresso

LOGO 4 CONGRESSO FECTRANS

IPTRANS

Protocolo

Visitantes

Temos 226 visitantes e 0 membros em linha