#gruemenu.grue

PrimeiroMinistroBarreiroOs transportes públicos existem para dar resposta às necessidades dos utentes, em particular nas horas de maior procura, as chamadas horas de ponta, pelo que o apelo feito pela administração da SOFLUSA em nada resolve a situação caótica que se vive na travessia fluvial entre Barreiro e Terreiro Paço, que se deve, única e exclusivamente, a um projecto seguido pelo governo anterior (PSD+CDS-PP) com o objectivo de justificar a privatização das empresas.

A recuperação da frota foi um dos primeiros temas colocados nas reuniões com o actual Ministro da Tutela, que apesar de reconhecer a situação dramática que se vive, pouco fez, limitando-se, numa viagem de propaganda que envolveu o primeiro-ministro a anunciar 10 milhões para a recuperação da frota das duas empresas, mas a situação tem piorado e, hoje, a SOFLUSA tem em actividade quatro dos oitos navios da frota e deixou de assegurar sete turnos nos períodos da manhã. Mesmo que rapidamente entre ao serviço mais um navio, a oferta ficará sempre abaixo das necessidades.

Este é o resultado de uma política criminosa do governo de Passos/Portas, que no sector teve os rostos de Pires de Lima e Sérgio Monteiro, que neste momento deviam estar a responder criminalmente pelo que fizeram às empresas públicas.

Mas o actual governo começa a ter a sua quota parte de responsabilidades na situação se continuar a falar em planos para daqui a três anos e esquece das respostas que hoje, no imediato, são necessárias.

Se não houver medidas concretas na aposta e investimento nas empresas públicas, o que está a acontecer na SOFLUSA pode replicar-se noutras empresas de transportes, em particular na Transtejo (onde a situação já não é normal), no Metropolitano de Lisboa e na CP.

Tradutor

enfrdeitptrues

IPTRANS

Protocolo

Visitantes

Temos 152 visitantes e 0 membros em linha

Informação email

Agenda

No mês passado junho 2018 Próximo mês
D Sb
week 22 1 2
week 23 3 4 5 6 7 8 9
week 24 10 11 12 13 14 15 16
week 25 17 18 19 20 21 22 23
week 26 24 25 26 27 28 29 30

Guia da parentalidade

Ponto Seguro