#gruemenu.grue

Aviação e aeroportos

PortwayTem sido bastante claro ao longo dos últimos meses que a Vinci/Portway convive mal com as leis e com a democracia. Isso ficou demonstrado no despedimento dos trabalhadores das Pontes Telescópicas em Faro, tornou-se mais evidente no processo de despedimento colectivo e atinge o seu ponto máximo, através da tentativa de imposição do AE da vergonha ao universo de trabalhadores Portway.

 

Comunicado SITAVA/Portway

PortwayNa última comunicação da Vinci/Portway ao SITAVA referente ao processo de despedimento colectivo ilegal que a administração da Vinci/Portway teima em concretizar ficou claro que as organizações que assinaram o Acordo de Empresa (AE) representam apenas 460 trabalhadores (dados da empresa), num universo de cerca de 2000.

Comunicado SITAVA/Portway

ManifTapO “estudo” da BCG de que tanto se tem falado, conseguiu uma proeza rara que há muito não se via na TAP. Por toda a empresa e a todos os níveis, se sente um claro repúdio pelas medidas nele anunciadas e, sobretudo, pela falta de coerência do projecto da “nova TAP” que mais parece um grande barco que navega completamente à deriva.

Comunicado SITAVA/TAP

PortwayDenunciámos desde a 1ª hora, que este processo de despedimento colectivo está enfermo de ilegalidades. Fomos desmascarando e comprovando (mesmo a quem não conseguia ver), passo a passo, comunicado a comunicado, plenário a plenário, as ilegalidades que a Vinci/Portway foi cometendo ao longo do processo, desde o modo como o mesmo foi feito e conduzido até ao próprio processo em si mesmo.

Comunicado SITAVA/Portway

PortwayRecebemos oficialmente da Vinci/Portway a comunicação formal do despedimento de 83 trabalhadores, a maior parte, a partir de 21 de Novembro de 2016. O Conselho de Administração da Vinci/Portway (CA) concretiza assim uma ilegalidade monstruosa, construída com base em falsos pressupostos e com o objectivo claro de chantagear os sindicatos com vista à assinatura de um Acordo de Empresa (AE) que coloca os trabalhadores no limiar da escravatura.

Comunicado SITAVA/Portway

APAs Greve 27Ago2016Por mais surdos que sejam os donos da Securitas e Prossegur, não deixaram de certeza de ouvir o enorme protesto dos trabalhadores Assistentes de Portos e Aeroportos, (APA's) que realizam, hoje, a maior greve deste sector de actividade, a quem a FECTRANS saúda calorosamente, assim como a todos os dirigentes, delegados e activistas sindicais que a construíram ao longo do tempo, unindo os trabalhadores em torno das suas reivindicações comuns.

Ler mais...

PortwayContinuam as trapalhadas por parte da empresa. Como diz o povo “cada cavadela, cada minhoca”. Reafirmamos a ILEGALIDADE de TODO o processo e a CHANTAGEM do mesmo, roçando em alguns casos o assédio moral. Assim, informamos que nos mantemos em contacto permanente com o Ministério do Trabalho e agiremos de imediato, através dos tribunais, caso a Portway avance com o despedimento de algum.

Comunicado SITAVA/Portway

ContraPrecariedadeAeroportoO Aeroporto de Lisboa é o maior local de trabalho da área metropolitana de Lisboa, aqui trabalham milhares de trabalhadores de diferentes sectores de actividade: do handling, do comercio, da hotelaria, dos correios, do transporte rodoviário, dos bombeiros da vigilância e da limpeza e, por isso, hoje, foi palco de uma acção de denúncia das imensas situações de precariedade laboral, que os poderes instalados pretendem fazer crer que são normais, quando estamos perante situações ilegais.

Comunicado à população

Tradutor

enfrdeitptrues

IPTRANS

Protocolo

Visitantes

Temos 119 visitantes e 0 membros em linha

Informação email

Agenda

No mês passado junho 2018 Próximo mês
D Sb
week 22 1 2
week 23 3 4 5 6 7 8 9
week 24 10 11 12 13 14 15 16
week 25 17 18 19 20 21 22 23
week 26 24 25 26 27 28 29 30

Guia da parentalidade

Ponto Seguro