comboiomercadoriasPelas 17 horas de hoje, uma delegação sindical manifestar-se-á junto à sede da CP, onde decorrerá a assinatura de venda definitiva da CP Carga ao grupo privado MSC, numa execução pelo Ministério e Planeamento e Infraestruturas de uma decisão do governo do PSD(/CDS, apesar de, durante a campanha eleitoral, terem reconhecido que a privatização da empresa da carga da CP, nos termos em que estava a ser feita, era no mínimo pouco transparente e, assistimos à assinatura final, sem que o Ministro da Tutela tenha tornado público todos os contornos do negócio.

Como é público neste negócio a CP entrega ao privado 116 milhões e recebe deste 2 milhões de euros, ou seja, paga-se aos privados para tomarem conta de uma empresa estratégica para o país, que será colocada, no futuro, a operar em função do negócio da MSC, o transporte de contentores.

Também aqui não estamos perante um negócio traduzido num investimento estrangeiro, mas a entrega, pura e simples, de património público.

Tradução

ptenfrdeitrues

4º Congresso

Visitantes

Temos 154 visitantes e 0 membros em linha

Protocolo