#gruemenu.grue

JusticaO tribunal de Vila do Conde condenou os dois sócios gerentes da empresa Transportes Matos & Filhos, Ld.ª, a penas de prisão de 3 e 4 meses, substituídas pelo pagamento de 9€ por dia, por práticas anti-sindicais na forma de pressão e coação a trabalhadores da empresa para não se sindicalizarem.

Quando verificaram que alguns dos seus trabalhadores se tinham sindicalizado no STRUN, os sócios-gerentes em causa, pressionaram os trabalhadores para se desindicalizarem, indo ao ponto de organizarem as cartas para o Sindicato (todas com a redacção igual).

O Sindicato apresentou uma queixa crime e o processo chegou ao tribunal, onde o juiz condenou os respectivos sócios-gerentes e a própria sociedade.

Ser sindicalizado é um direito constitucional que não pode ser posto em causa e quem o fizer está a praticar um crime.

Tradutor

enfrdeitptrues

IPTRANS

Protocolo

Visitantes

Temos 132 visitantes e 0 membros em linha

Informação email

Agenda

No mês passado junho 2018 Próximo mês
D Sb
week 22 1 2
week 23 3 4 5 6 7 8 9
week 24 10 11 12 13 14 15 16
week 25 17 18 19 20 21 22 23
week 26 24 25 26 27 28 29 30

Guia da parentalidade

Ponto Seguro