#gruemenu.grue

PlenarioTSTOs trabalhadores da TST, empresa da multinacional alemão Arriva, decidiram hoje encetar períodos de luta, na forma de greve de 48 horas, em cada mês, caso a administração não responda, nos próximos quinze dias, positivamente à contraproposta aprova de aumento dos salários.

Os trabalhadores consideram insuficiente o valor de aumento dos salários, anunciado pela a administração na forma de acto de gestão e reivindicam a negociação para que o mesmo cresça, nos mesmos moldes do que tem estado a acontecer em outras empresas similares.

Tradução

ptenfrdeitrues

4º Congresso

LOGO 4 CONGRESSO FECTRANS

IPTRANS

Protocolo

Visitantes

Temos 68 visitantes e 0 membros em linha