#gruemenu.grue

A recuperação da frota foi um dos primeiros temas colocados nas reuniões com o actual Ministro da Tutela, que apesar de reconhecer a situação dramática que se vive, pouco fez, limitando-se, numa viagem de propaganda que envolveu o primeiro-ministro a anunciar 10 milhões para a recuperação da frota das duas empresas, mas a situação tem piorado e, hoje, a SOFLUSA tem em actividade quatro dos oitos navios da frota e deixou de assegurar sete turnos nos períodos da manhã. Mesmo que rapidamente entre ao serviço mais um navio, a oferta ficará sempre abaixo das necessidades.

Este é o resultado de uma política criminosa do governo de Passos/Portas, que no sector teve os rostos de Pires de Lima e Sérgio Monteiro, que neste momento deviam estar a responder criminalmente pelo que fizeram às empresas públicas.

Mas o actual governo começa a ter a sua quota parte de responsabilidades na situação se continuar a falar em planos para daqui a três anos e esquece das respostas que hoje, no imediato, são necessárias.

Se não houver medidas concretas na aposta e investimento nas empresas públicas, o que está a acontecer na SOFLUSA pode replicar-se noutras empresas de transportes, em particular na Transtejo (onde a situação já não é normal), no Metropolitano de Lisboa e na CP.

Tradução

ptenfrdeitrues

48º Aniversário

48anoscgtp

IPTRANS

Protocolo

Visitantes

Temos 240 visitantes e 0 membros em linha

Informação email

Agenda

No mês passado dezembro 2018 Próximo mês
D Sb
week 48 1
week 49 2 3 4 5 6 7 8
week 50 9 10 11 12 13 14 15
week 51 16 17 18 19 20 21 22
week 52 23 24 25 26 27 28 29
week 1 30 31

Guia da parentalidade

Ponto Seguro