Defendemos que a regulamentação ferroviária garanta e amplie os padrões de segurança no transporte ferroviário, que obrigue todas as empresas de igual forma e que não reduza os trabalhadores ligados a funções de segurança de utentes e bens.

O governo não pode pensar nestas matérias apenas numa lógica de redução de custos, num sector que tem sofrido um forte desinvestimento nos últimos anos.

 

Tradução

ptenfrdeitrues

4º Congresso

IPTRANS

Protocolo

Visitantes

Temos 107 visitantes e 0 membros em linha